RECLAMAÇÃO: IDOSOS MORAM NA ZONA RURAL E PAGAM TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA SEM HAVER LUZ.


 A taxa de iluminação pública passou a ser cobrada dos burienses desde janeiro desse ano, após ter passado por uma tensa votação no Legislativo em setembro de 2017. O projeto anti popular rendeu muita discussão na época, já que os cidadãos foram contra a ideia de arcar com o valor, proposto pelo Executivo, na conta de luz de R$ 4,98 (residencial) e R$ 9,96 (comercial).

De lá pra cá, somam-se cinco meses de cobrança e ainda tem gente descontente com a taxa, especialmente aqueles que não dispõe de iluminação em sua rua. É o caso da internauta Eliana Vieira que há semanas vem questionando indignada junto ao BC, a cobrança do valor referente ao serviço que seus pais não usufruem.

 É que segundo ela, o casal mora numa região já considerada rural e não há uma lâmpada sequer nos postes de acesso a residência. Ela informou ainda que o prefeito de Buri tem conhecimento da inexistência de iluminação já que o trecho dá acesso  a um rancho que seria de sua propriedade.

Eliana Vieira apesar de não viver na cidade com os pais, informou já ter tentado contato com a empresa responsável pelo fornecimento de energia para possíveis correções, mas teria sido orientada a procurar a prefeitura. Seu pai e dono da propriedade teria procurado recentemente a prefeitura que segundo Eliana, sugeriu que ele assinasse um documento em que pedia a implantação da iluminação no trecho. Ela afirma ainda que em contatos anteriores seu pai teria sido desrespeitado por uma "atendente" da prefeitura.

Em trechos da reclamação que enviou ao BC Eliana pede respeito por parte da administração pública a seus pais por se tratarem de idosos e adianta que caso o transtorno não seja solucionado, acionará o Xerife do Consumidor expondo o que chamou de desrespeito.


Trecho da reclamação enviada ao Buri Conectado.

"Estão cobrando luz, na verdade lâmpada da estrada que não existe, isto é o cúmulo e outra, não é pela miséria que cobram , mas uma cobrança de coisa que não existe. E mais, não gostei da falta de respeito da atendente da prefeitura com papai , pois eles estão lá para respeitar a população. Moro em Piracicaba mas minha terra é Buri. Estes dias que meu pai reclamou novamente e pediram para ele assinar um papel na qual pede agora iluminação para estrada do rancho. Espero que vocês possam nos ajudar pois senão vou fazer uma reportagem com o Xerife do Consumidor e isto ficará feio para cidade , pois pagar por uma coisa que existe beleza, mas uma coisa que não existe é sacanagem, desde já agradeço" escreveu

O vereador Reginaldo Corrêa (Naldo) que votou contra a cobrança da taxa de iluminação pública ao lado dos vereadores, Ronaldo Danilo, Lorevilson Cavalcante e Joaquim Fonseca (Pipo) disse que oferecerá junto ao Ministério Público na próxima semana, denúncia referente a cobranças com tais características, para que o MP apure possíveis ilegalidades.







Fotos enviadas por Eliana Vieira
Por Buri Conectado
RECLAMAÇÃO: IDOSOS MORAM NA ZONA RURAL E PAGAM TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA SEM HAVER LUZ. RECLAMAÇÃO: IDOSOS MORAM NA ZONA RURAL E PAGAM TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA SEM HAVER LUZ. Reviewed by Buri Conectado on 13:44:00 Rating: 5
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário

Featured Video