Covid-19 e festas, combinação perigosa "...muitas contaminações estão ocorrendo dentro das próprias casas" - Carmem Fernanda Rodrigues Sozim


Especialistas da área da saúde foram ouvidos nessa sexta feira (17) no Versões, bate papo ao vivo do Buri Conectado e trouxeram em detalhes, informações gerais sobre a Covid-19.

Entre as abordagens o Dr Rafael Rota desmistificou informações sobre o uso de medicamentos ou de vitaminas em excesso com intuito de prevenir contra o coronavírus. Ele reforçou que nenhum ser humano tem imunidade contra a Covid-19 e que todos estão suscetíveis a contraí-lo, portando os cuidados como a higiene, distanciamento social e o uso de máscara são as principais ações que a sociedade pode tomar na tentativa de evitar a contaminação da doença. 

"(...) essa medicações foram muito ventiladas inicialmente pois há uma grande comoção, uma grande cobrança da sociedade para que a ciência possa dar uma rápida resposta a essa pandemia. Infelizmente até agora a gente não tem uma evidência clara, forte e robusta de que há qualquer tipo de medicação que você possa tomar para prevenir o coronavírus, nem a cloroquina, nem a ivermectina; fica aqui minha orientação, não se auto medique, isso é algo arriscado e pode contribuir à aqueles que realmente precisam desses medicamentos para tratamentos de outros doenças, ficarem sem" disse

Sobre as medidas de segurança mencionadas pelo Dr. Rafael comprovadamente eficazes para a proteção contra a doença, a exemplo do uso de máscara, a diretora da Vigilância Sanitária GVS 32 de Itapeva Carmem Fernanda Sozim, complementou que cada pessoa deve ter a consciência em segui-las, solidariedade e responsabilidade uns com os outros e não agir apenas em função de ordens e penalidades. 

Ela lembrou ainda que festas (churrascos), visitas de parentes, entre outros exemplos de aglomeração  apontados essa semana pela SMS de Buri como uma das principais causas de contaminação entre a população, devem ser evitadas nesse período. 

" (...) as pessoas acham que pelo fato de pertencerem a mesma família, mas essa família está em casas separadas, a gente pode reunir todo mundo. O que as pessoas não entendem é que cada pessoa transita em vários lugares. O corona ele veio e a agente não sabia como agir no começo, hoje temos muitas coisas estruturadas que podem nos dar respostas eficientes, agora, a população tem que entender a responsabilidade social dela. Muitas contaminações estão ocorrendo dentro das próprias casas. Explicou



Imagem ilustrativa/ internet
Por Buri Conectado
Covid-19 e festas, combinação perigosa "...muitas contaminações estão ocorrendo dentro das próprias casas" - Carmem Fernanda Rodrigues Sozim Covid-19 e festas, combinação perigosa "...muitas contaminações estão ocorrendo dentro das próprias casas" - Carmem Fernanda Rodrigues Sozim Reviewed by Buri Conectado on 17:23:00 Rating: 5
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário

Featured Video